Associação de Pais e Amigos do Autista

                da Baixa Mogiana

gallery/desenhandoj
gallery/publicação1999

   Nossa historia começou em 2000 a partir da necessidade em comum de duas famílias: Arlete de Lima Michelon e Paulo Cabral Michelon e Maria Conceição Aparecida Kuhl Damaglio e Luís Antônio Damaglio. Ambas as famílias com filhos autistas, que os levava para fazer atendimento no CEMA (Centro Especializado Municipal do Autista) na cidade de Limeira, um centro especializado em AUTISMO, na época a única instituição especializada da região.

   Em 2001, a família de Maria Inês Zaia e Mário Antônio Zaia se unem as demais famílias, fortalecendo o desejo em ampliar o alcance de trabalhos desenvolvidos a exemplo do CEMA, para um número maior de crianças na região.

   Em 25 de setembro de 2001, é oficializada a Associação Fonte Viva, dando início aos contatos com o poder público tendo por finalidade estatutária promover a integração do autista na escola comum, sempre que possível, bem como nos meios de prática de esportes, cultura, lazer e recreação; desenvolver atividades pedagógicas adaptadas e adequadas; promover a criação de núcleos de residências; promover a criação de centro e, ou, departamento de diagnóstico, orientação e apoio às famílias; criação, desenvolvimento e manutenção, de um núcleo de ensino e socialização, visando habilitação, integração à vida comunitária de pessoas com TEA e orientação e amparo técnico às respectivas famílias e firmar Convênios com as Prefeituras dos municípios da Baixa Mogiana.

   Após dois anos de luta e muito esforço, iniciam-se em 13 de agosto de 2003 as atividades do Núcleo de Ensino e Socialização do Autista (NESA), do qual a Associação é mantenedora. Desde então, os trabalhos são desenvolvidos em espaço alugado na região central de Mogi Guaçu, sendo de fácil acesso para as famílias atendidas. Inicialmente foram abertas 12 vagas para crianças no período da tarde, tendo a supervisão da terapeuta ocupacional do de Limeira, Cilene Falascina.

   Em 28 de fevereiro de 2007, o trabalho foi ampliado com o oferecimento de atividades também no período da manhã, sendo inicialmente atendidas três crianças com características do Transtorno do Espectro Autista com foco na estimulação precoce (primeira infância). Era o início de um novo tempo para a Associação, de pioneirismo e vanguarda, passando a ser a principal e única referência na região com este tipo de atendimento.

– Desenvolver ações especializadas para a superação das situações violadoras de direitos que contribuem para a intensificação da dependência;

– Promover acessos a benefícios, programas de transferência de renda e outros serviços socioassistenciais, das demais políticas públicas setoriais e do Sistema de Garantia de Direitos;

– Promover apoio às famílias na tarefa de cuidar, diminuindo a sua sobrecarga de trabalho e utilizando meios de comunicar e cuidar que visem à autonomia dos envolvidos e não somente cuidados de manutenção.

 

Proporcionar um atendimento especializado para pessoas com Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) visando o desenvolvimento das potencialidades de cada um, estimulando-os nas áreas de assistência social, educação, saúde, lazer e integração à sociedade. Oferecer orientação e apoio as famílias buscando uma convivência adequada no lar e na sociedade, com o intuito de alcançar uma melhor qualidade de vida.

MISSÃO

gallery/39742758_1371937712942188_8684223087085879296_n

 Rua: Vereador Waldemar Zingra, 108 - Chácara São Marcelo, Mogi Mirim - SP

 Telefone: (19) 3804.0062

 Fonte Viva - Associaçãode Pais e Amigos do Autista da Baixa Mogiana

© 2018 por Fonte Viva

gallery/29572657_1244539942348633_5670236164853731202_n
gallery/desenhando
www.000webhost.com